Quem Somos

Fundado em 1997, tendo tido como principal dinamizador e primeiro Presidente o Prof. Nelson Traquina, da FCSH-UNL, o CIMJ - Centro de Investigação Media e Jornalismo tem actualmente a sua equipa constituída por um alargado número de membros integrados e colaboradores, na sua grande maioria composta por professores e investigadores de diversas instituições de ensino superior.

O CIMJ - Centro de Investigação Media e Jornalismo é também uma Unidade de Investigação & Desenvolvimento integrada na FCT - Fundação para a Ciência e a Tecnologia, tendo obtido na última avaliação a classificação de "Very Good".

O CIMJ tem como principais objectivos desenvolver a investigação científica e promover o estudo e o debate sobre temas relacionados com os media, o jornalismo e a sociedade. As actividades científicas do centro estão organizadas em torno de três linhas de pesquisa: 1) Media, Jornalismo e Democracia, 2) Novas Tecnologias e usos sociais, 3) História dos media e jornalismo.

De um ponto de vista estratégico, pretendemos avaliar as interacções entre media e sociedade, os usos democráticos do campo da comunicação e a construção da cidadania, a história social, política e cultural do jornalismo, a reflexão sobre as práticas do jornalismo, a investigação sobre novos públicos e novos media. Outra vertente não menos importante avalia a experiência digital em certos grupos sociais, nomeadamente as crianças e as minorias migrantes. Outra ainda, estuda a relação entre media e género, cruzando as questões de género com as realidades políticas e sociais e as representações dos media.

Cada linha de pesquisa é coordenada por um investigador sénior e desenvolve um conjunto de objectivos, reunindo equipas em torno de projectos de investigação. o CIMJ tem actualmente 93 investigadores, sendo 26 doutores integrados provenientes de 9 universidades diferentes.

O CIMJ fornece apoios diversos aos projectos científicos que envolvem os membros; divulga informações sobre eventos comuns; organiza oportunidades de formação regulares sobre competências metodológicas; dispõe de uma biblioteca altamente especializada em questões de media aberta a todos os membros; apoia os seus investigadores na apresentação de trabalhos científicos a nível nacional e internacional.

Publica também dois números por ano da revista científica - Media e Jornalismo. Publica ainda vários livros por ano na Colecção CIMJ - Livros Horizonte, resultantes em boa parte de dissertações de mestrado e doutoramento.

O CIMJ tem ainda uma política clara de internacionalização, através de parcerias com outras associações científicas, como a ECREA, a IAMCR, a ICA, ou pontualmente com centros de investigação ou entidades de países com os quais mantém relações preferenciais, tanto no plano europeu ou anglo-americano, como no âmbito dos países lusófonos.