Projectoslinks
  weblog >

MEDIA E JORNALISMO Investigação, Recursos e Ideias

Outros weblogs
Jornalismo e Comunicação
Ponto Media

 
Sexta-feira, Dezembro 05, 2003
 
INVESTIGAÇÃO

A qualidade do jornalismo compensa, segundo uma pesquisa feita pelo PEJ.


 
Quinta-feira, Dezembro 04, 2003
 
INVESTIGAÇÃO

"A informação televisiva dedicada a acontecimentos catastróficos adoptou a tragédia como género específico , defendeu ontem o crítico de televisão Eduardo Cintra Torres nas suas provas de mestrado em Comunicação, Cultura e Tecnologias da Informação no Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa (ISCTE), em Lisboa."

Uma saudação ao Eduardo Cintra Torres pela conclusão da sua pesquisa muito elogiada pelo arguente Manuel Pinto.



 
Quarta-feira, Dezembro 03, 2003
 
LIVRO

Saiu recentemente um livro de Helena Matos, intitulado Salazar, a construção do mito. A autora, jornalista do Público, promete para breve a saida de um segundo volume, dado que o agora publicado cobre aquilo a que ela chama de "representações desse homem" entre 1928 e 1933.

Helena Matos diz que a obra publicada não é a de uma historiadora mas de uma jornalista. Contudo, o seu trabalho é meticuloso e organizado, tem um bom fundo bibliográfico, apesar de não estar no final do volume, mas apenas em notas de rodapé. Tem também uma excelente cronologia, que começa em 1925, ainda antes do 28 de Maio.

O livro traz citações de entidades da época, os capítulos apresentam uma introdução, há narrativa, ou, como dizem os sociólogos do jornalismo, estórias [afinal o(a) jornalista e o(a) historiador(a) não são contadores de estórias?), e até imagens da época. Estou a lembrar, por exemplo, a incluida na página 193: "qual é a rapariga mais bonita das revistas de Lisboa?", um concurso organizado pelo Notícias Ilustrado.

Apenas uma nota sobre o mito Salazar, como nos descreve Helena Matos: "O ascendente de Salazar sobre os outros ministros vai mesmo ao ponto de, em alguns casos, em nome desse «interesse superior», controlar as declarações que estes prestam à imprensa" (p. 197). Estávamos ainda em 1931! Valerá a pena cotejar com o agora também editado livro das entrevistas dadas por Salazar a António Ferro, estava este ainda no Diário de Notícias antes de "voar" para o SPN. Ou reler a tese de José Rebelo sobre o modo como as entrevistas de Salazar dadas a jornalistas estrangeiros eram referenciadas na imprensa nacional.

Os capítulos do volume agora editado referem-se a anos, começando em 1928. Mas 1932 ocupa dois capítulos, sinal da importância desse ano na biografia de Salazar.

O livro é para comprar, com uma capa sugestiva, embora o preço não seja muito convidativo (€ 31).


 
Terça-feira, Dezembro 02, 2003
 
Investigação

Quem se interessa por jornalismo de guerra encontra um trabalho intitulado Jessica Lynch: Media Myth-Making in the Iraq War no site do Project for Excellence in Journalism.

"The story of Jessica Lynch's rescue was one of the most covered story lines during the war in Iraq. The young soldier from West Virginia was held up as an icon of the strength and spirit of the American volunteer soldier. Her rescue mission was called a daring, made-for-Hollywood story. In recent weeks, however, the stories about Lynch's capture, her time spent captive, and her rescue have been questioned. Many claim that the original reports were filled with inaccuracies that benefited the US government by creating positive feelings about the war. Below is a detailed chronology of the major stories in the evolution of the Lynch saga.

This chronology and analysis was prepared for PEJ by journalist Dante Chinni.

The Backstory
How the Story Developed
An Assessment
A Day-by-Day Look at the Story's Changes"



 
Segunda-feira, Dezembro 01, 2003
 
AGENDA O tempo e o modo

Esta conhecida revista comemora 40 anos de publicação e no próximo dia 15 (segunda-feira), pelas 15 horas, vai realizar-se a sessão "O TEMPO E O MODO - Ao Encontro da Liberdade", na sala 1 da Fundação Calouste Gulbenkian, para assinalar a data.
Os oradores serão: António Alçada Baptista, João Bénard da Costa, Guilherme d'Oliveira Martins, Marc-Olivier Padis, Edgar Morin e Eduardo Lourenço.
Esta iniciativa conjunta do Centro Nacional de Cultura e da Fundação Calouste Gulbenkian contempla ainda a apresentação da obra "O TEMPO E O MODO - Antologia" e uma mostra bibliográfica, organizada em colaboração com a Hemeroteca Municipal de Lisboa.




Listed on BlogShares
This page is powered by Blogger. Isn't yours?
© Centro de Investigação Media e Jornalismo, 2003